terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

Poema 54


Sobre Corações e Navios


Para navegar,
não preciso de dias claros:

basta-me um coração iluminado
(desses que não tombam assim tão fácil).

O bom marinheiro
sabe o momento de recolher as velas,
para que seu navio se conserve inteiro.

O bom marinheiro
sabe que uma tempestade

não é coisa que se cria ou se adia;
é algo que cresce dentro da gente

(e que, às vezes, até nos abriga).

(por Filipe C.)

12 comentários:

disse...

Difícil ser um bom marinheiro...

Karine disse...

Não sei se eu sou uma boa marinheira...às vezes meu navio se afoga.
Aah Caio F. Abreu, amei demais esse poema. beijos beijos

luiza disse...

É... Mais uma achar que nunca foi nem nunca será uma boa marinehira...

Mari disse...

Lindo esse poema...
Pena que não sei ser assim...
Meu coração-navio também está à deriva no meio da tempestade...

afonso disse...

coé professor. tu manda muito.

monique (312) disse...

E o que seria de nós marinheiros
sem as tempestades...
lindas palavras novamente!
bjs

Rebecca disse...

Não me canso de dizer como seus textos são especiais.
Acho que foi uma lição de vida esse poema da semana.
Temos que entender que as tempestades fazem parte da vida. É impossível evitar.
Mas como você uma vez ensinou, às vezes é melhor sentir um pouco de dor do que não sentir nada né?
Parabéns, poeta!

Gisele (botafogo) disse...

Amei seu blog professor!
Está de parabéns!

Bianca disse...

Lindos os seus poemas, Couto!
Um melhor que o outro!
Adorei!

carol disse...

Admito: lendo isso tenho cada vez mais medo de "me lançar ao mar para salvar o amor".
Não sou boa marinheira. Definitivamente.

carol disse...

Admito: lendo isso tenho cada vez mais medo de "me lançar ao mar para salvar o amor".
Não sou boa marinheira. Definitivamente.

Shii disse...

Saaabia que... em dias de plena calmaria é até necessário uma tempestade para nos recordarmos do perigo e da vontade que temos de lutar por estar em calmaria de novo?

as vezes a gente esquece que o barco somos nós e nossas emoções também...

sei lá.. coisas aleatórias a se dizer ... >< sou uma pessoa aleatória ahdaudhushaushuda...

Acredite, eu sempre me emociono MUITO vindo aqui.
Acabei de ler o que eu realmente quero encontrar todos os dias com meu namorado: um coração iluminado.

Aprendi a nomear... agora não esqueço mais!
às vezes é preciso saber exatamente como se escreve um sentimento para que as pessoas ao nosso redor não se percam nos nossos devaneios.

Mil beijos! =*
*quase um desabafo*